EM MEIO À CLAMPDOWN P2P, NIGÉRIA BITCOINERS EMPODERA MULHERES COM EDUCAÇÃO EM BITCOIN

0
39

Na sequência das contínuas repressões peer-to-peer (P2P) na Nigéria, a comunidade Bitcoin do país deu um passo notável em direção ao empoderamento, dedicando o Dia Internacional da Mulher à educação e elevação das mulheres através da educação Bitcoin. No dia 16 de março de 2024, centenas de mulheres de diversas origens, desde estudantes e empreendedoras a profissionais e donas de casa, unidas por um desejo comum de aprender e crescer na era digital, reuniram-se e participaram numa série de iniciativas educativas destinadas a empoderar as mulheres através desmistificando o Bitcoin e as tecnologias financeiras digitais descentralizadas. Cada sessão proporcionou aos participantes insights inestimáveis ​​de especialistas femininas de alto nível em diferentes áreas da vida. Tochi Onyia, Ure Utah e Ifeoluwa Adegoke abriram a mentalidade dos participantes para as oportunidades infinitas que os aguardam no mundo das finanças e da tecnologia de código aberto, usando sua jornada de carreira pessoal como ponto de contato para jovens mulheres explorarem as complexidades do Bitcoin como uma tecnologia e o seu potencial para transformar o seu futuro financeiro.

Quebrando Barreiras

Apesar dos desafios regulatórios que cercam o sistema financeiro Blockchain e Digital na Nigéria, os organizadores permaneceram implacáveis ​​na sua missão de capacitar as mulheres. Ao dotá-los de conhecimentos e competências em Bitcoin, tecnologia de código aberto e análise de negócios, procuraram quebrar barreiras à inclusão financeira e criar oportunidades de capacitação económica. O evento organizado pelo organizador do Women In Bitcoin Club, patrocinado por empresas focadas em tecnologia financeira digital, Noones, DigiOats, mídia criativa BloccAfricaAfrica e outros canais P2P indígenas, como NickXchange, provou ser um marco significativo na promoção da inclusão financeira e da igualdade de gênero na Nigéria. espaço da economia digital. Estes principais defensores da tecnologia descentralizada e da inovação financeira demonstraram o seu compromisso inabalável em impulsionar mudanças positivas e promover uma cultura de inclusão e capacitação. A sua participação foi fundamental para tornar o evento um sucesso retumbante e alcançar um público mais vasto de mulheres em toda a Nigéria.

Olhando para o futuro

À medida que os Bitcoiners da Nigéria reflectem sobre o sucesso desta iniciativa inovadora, permanecem firmes no seu compromisso de promover a literacia financeira e de promover a igualdade de acesso às oportunidades económicas para as mulheres. Com o apoio contínuo das partes interessadas e um cenário regulamentar favorável, estão preparados para expandir o seu alcance e causar um impacto ainda maior nos próximos meses e anos. Num tempo de incerteza e convulsão, estes demonstraram resiliência e determinação nos esforços dos educadores para capacitar as mulheres através da educação e da tecnologia. Enquanto o mundo celebra o Dia Internacional da Mulher, vamos inspirar-nos no seu exemplo e continuar a trabalhar para um futuro onde todas as mulheres tenham o conhecimento, os recursos e as oportunidades para prosperarem na economia digital, especificamente em África e no sul global em grande escala.

Este é um post convidado de Heritage Falodun. As opiniões expressas são inteiramente próprias e não refletem necessariamente as da BTC Inc ou da Bitcoin Magazine.

Fonte: bitcoinmagazine.com

Receba nossas atualizações
Fique por dentro de todas as notícias e novidades do mundo da tecnologia!

Deixe uma resposta