Partido recém-eleito da Coreia do Sul cumprirá promessa eleitoral com solicitação de revisão de ETF Bitcoin

0
34

Durante a campanha, o Partido Democrata da Coreia prometeu permitir a negociação e listagem de ETFs à vista no país para atrair os jovens eleitores a participarem nas eleições.

O Partido Democrático da Coreia revelou seus planos de solicitar à Comissão de Serviços Financeiros (FSC) que esclareça a estrutura regulatória que rege os ETFs Bitcoin no país. Esta medida sinaliza a disposição do partido em permitir fundos negociados em bolsa (ETF) Bitcoin à vista na Coreia do Sul.

Cumprindo promessas eleitorais: o impulso para ETFs Bitcoin Spot

Este pedido, que foi divulgado via Blooming Bit, informou que um funcionário do Partido Democrata afirmou que, em uma tentativa de cumprir suas promessas e compromissos eleitorais, o partido pretende solicitar uma interpretação oficial do ETF à vista do órgão regulador após o 22ª Assembleia Nacional. A declaração diz:

“Para cumprir nossas promessas eleitorais gerais, planejamos solicitar novamente uma interpretação oficial do ETF à vista Bitcoin das autoridades financeiras após a abertura da 22ª Assembleia Nacional em junho.”

Durante a campanha, o Partido Democrata da Coreia prometeu permitir a negociação e listagem de ETFs à vista no país para atrair os jovens eleitores a participarem nas eleições. O partido acabou vencendo a eleição; portanto, eles decidiram cumprir a promessa que fizeram. Atualmente, o regulador financeiro do país, FSC, não permite a emissão e negociação de ETFs de bitcoin à vista, uma vez que nenhum fundamento legal os apoia como ativos subjacentes elegíveis para ETFs ao abrigo da Lei do Mercado de Capitais.

Obstáculos regulatórios: buscando esclarecimentos das autoridades financeiras

O relatório revelou que, devido ao facto de a 22ª Assembleia Nacional não estar em sessão, ainda não houve qualquer discussão detalhada sobre a implementação de políticas relacionadas com o ETF Bitcoin. O partido recém-eleito planeja apresentar outro pedido à Comissão de Serviços Financeiros para esclarecimentos no local ETF. Com base na resposta dada, especialmente se for insatisfatória, o partido prosseguirá e iniciará a discussão sobre a alteração da Lei do Mercado de Capitais no final do ano; um ajuste nessa lei poderia levar à aprovação de ETFs de bitcoin no país.

Embora este impulso do Partido Democrata da Coreia pareça uma boa notícia para os entusiastas da criptografia no país, o processo pode não ser tão rápido quanto o esperado. Se a interpretação existente do principal órgão de fiscalização do país permanecer a mesma, isso poderá levar à formação de um novo comité para analisar o pedido. Serão realizadas diversas alterações e sessões plenárias, o que poderá prolongar todo o processo por meses ou anos.

Além disso, o impulso para ETFs à vista de Bitcoin na Coreia do Sul demonstra a crescente aceitação do ativo digital em vários países. No início deste ano, os Estados Unidos anunciaram a aprovação do ETF BTC e, no mês passado, Hong Kong anunciou a aprovação dos ETFs BTC e ETH. Caso esta aprovação continue, incentivará grandes instituições a investir em ativos digitais, permitindo que sejam licitados legalmente a nível mundial e; na verdade, aumentar o preço de mercado desses ativos digitais.

próximo

Fundos e ETFs, Notícias de Mercado, Notícias

Fonte: www.coinspeaker.com

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here