5 maneiras de proteger seu e-mail

1
266
e-mail

À medida que a invasão da Ucrânia pela Rússia continua e as sanções impostas à Rússia pela comunidade internacional aumentam, as preocupações com a segurança cibernética também aumentam. Embora as autoridades dos EUA não tenham identificado uma ameaça cibernética retaliatória específica aos EUA saindo da Rússia neste momento, as autoridades estão pedindo que indivíduos e organizações permaneçam vigilantes e se preparem para a possibilidade de um ataque cibernético. Parte dessa vigilância deve incluir a segurança do e-mail, pois o e-mail é especialmente suscetível a ataques.

Para ser claro, as organizações de maior escala são o alvo mais provável de qualquer grande ataque cibernético patrocinado pelo Estado, embora atores independentes também possam explorar vulnerabilidades em operações de menor escala. No entanto, o nível de risco pessoal para indivíduos permanece extremamente baixo.

Mesmo assim, você não deve ignorar sua segurança online pessoal. Existem passos fundamentais que você pode tomar para proteger sua privacidade digital e mitigar o risco de ser afetado por um ataque cibernético.

Uma das considerações mais importantes é proteger seu e-mail. O e-mail ainda é uma das tecnologias de comunicação online mais utilizadas, mas também é uma das menos seguras – por isso requer cuidados extras. Além de tomar medidas para proteger seu e-mail, é importante criar um backup local de qualquer correspondência de alta prioridade ou documentos dependentes de e-mail em caso de possíveis interrupções temporárias que seu provedor de e-mail possa sofrer como resultado de um ataque cibernético.

Aqui estão cinco coisas que você pode fazer hoje para proteger seu e-mail.

Use uma senha forte e exclusiva

A CNET tem muitos conselhos úteis sobre o que faz uma senha forte, mas os dois elementos mais importantes são que sua senha deve ser longa (pelo menos oito caracteres incluindo números e símbolos) e única (ou seja, não reutilize a mesma senha para várias contas). Se você luta com senhas, um gerenciador de senhas pode ajudar a gerar senhas complexas, lembrá-lo de alterá-las e ajudá-lo a lembrá-las.

Sua senha é a primeira linha de defesa contra alguém que deseja se infiltrar em suas contas e acessar seus dados e comunicações privadas. Certifique-se de que esta defesa seja forte.

Ativar autenticação de dois fatores

A autenticação de dois fatores adiciona uma camada extra de segurança à sua conta de e-mail. Depois de inserir uma senha, você precisará fornecer um código de autenticação separado enviado ao seu telefone ou autenticador móvel para acessar a conta. Isso significa que, mesmo que uma parte não autorizada conseguisse quebrar sua senha, ela ainda precisaria de acesso físico ao seu telefone para acessar a conta de e-mail. A maioria dos serviços de e-mail oferece autenticação de dois fatores; se o serviço de e-mail que você está usando não tiver, você deve mudar para um que o faça. Os provedores de e-mail geralmente oferecem várias maneiras de ativar essa funcionalidade, mas geralmente, se você acessar as configurações da sua conta de e-mail e procurar opções rotuladas como privacidade ou segurança, geralmente poderá encontrar e ativar o recurso lá.

Use um serviço de e-mail seguro para criptografar suas mensagens

Serviços de e-mail seguros como ProtonMail, Tutanota e StartMail criptografam seu e-mail para garantir que as mensagens permaneçam inacessíveis a qualquer parte não autorizada que queira bisbilhotar sua correspondência. Os serviços de e-mail seguros listados acima também oferecem a opção de criar aliases descartáveis ​​para proteger ainda mais sua privacidade e limitar quais entidades têm acesso ao seu endereço de e-mail principal. Lembre-se de que, embora você possa obter uma conta básica e limitada com alguns serviços de e-mail criptografados gratuitamente, precisará pagar por recursos de privacidade aprimorados, como aliases e domínios personalizados.

Identifique e evite golpes de phishing

O phishing ainda é um dos métodos mais comuns que os ciberataques usam para invadir contas online. Se você vir um e-mail não solicitado solicitando que você clique com urgência em um link ou baixe um anexo, provavelmente é um golpe de phishing. Nunca clique nesses links. Caso contrário, é provável que você baixe malware ou revele informações pessoais, como suas senhas e informações financeiras.

Os e-mails de phishing geralmente parecem vir de fontes legítimas (talvez um serviço online que você usa, como Netflix ou PayPal) e normalmente afirmam que há um problema com sua conta ou informações de pagamento. Os golpistas estão até tentando explorar a situação na Ucrânia lançando campanhas de phishing e outros golpes que atacam o instinto das pessoas de ajudar em tempos de crise. No entanto, muitas vezes você pode detectar erros gramaticais ou outras inconsistências em e-mails de phishing que o alertarão sobre a presença de um golpe. Se você estiver em dúvida, não se envolva com o e-mail e tente verificar essas informações diretamente com a suposta fonte.

Use o recurso Hide My Email da Apple se você tiver um iPhone

Com o lançamento do iOS 15, a Apple lançou o Hide My Email, um importante recurso de segurança que permite ocultar seu endereço de e-mail dos sites e serviços com os quais você se inscreve online. O Hide My Email gera um endereço de e-mail atribuído aleatoriamente para ser usado em situações em que você não deseja fornecer a um site seu endereço de e-mail real. Esse recurso pode ajudar a limitar o número de sites e serviços online que têm acesso ao seu endereço de e-mail pessoal, bem como as chances de ele ser compartilhado com outras entidades maliciosas.

Se você tiver um iPhone, poderá acessar o recurso Ocultar meu e-mail acessando Configurações> iCloud> Ocultar meu e-mail.

Se você não tiver um iPhone, a maneira mais prática de replicar essa funcionalidade seria usar aliases diferentes, se oferecidos pelo seu provedor de e-mail. Muitos serviços de e-mail populares, como Gmail, Yahoo, Outlook e outros provedores de e-mail seguros, oferecem aliases. Verifique as configurações da conta do seu provedor para ver se ele oferece o recurso.

Receba nossas atualizações
Fique por dentro de todas as notícias e novidades do mundo da tecnologia!

1 COMENTÁRIO

Deixe uma resposta