Coinbase sofre o impacto do veredicto Dogecoin da Suprema Corte, DOGE sofre queda de 4%

0
42

Em uma decisão recente que pode ter implicações para a indústria de criptografia, a Suprema Corte dos EUA se posicionou por unanimidade contra a exchange de criptomoedas Coinbase, com sede nos EUA, por causa de um Dogecoin (DOGE) de 2021. sorteios disputa.

O decisão do tribunalproferido pelo juiz Ketanji Brown Jackson, rejeitou o argumento da Coinbase de que uma decisão contra ela provocaria turbulência jurídica, enfatizando a importância dos acordos contratuais e o papel dos tribunais na resolução de disputas.

Argumentos da Coinbase rejeitados

A questão principal era se a disputa deveria ser submetida à arbitragem ou litigada em tribunal. De acordo com à Lei Bloomberg, o tribunal enfatizou que a arbitragem requer o consentimento das partes e que em casos que envolvam contratos conflitantes, o tribunal deve determinar a intenção das partes.

A Coinbase argumentou que uma decisão contra ela “criaria o caos” ao encorajar as partes a contestar acordos de arbitragem. No entanto, o tribunal rejeitou esta preocupação, afirmando que não previa tal caos decorrente da sua decisão.

Leitura Relacionada

O caso girou em torno de um sorteio em que consumidores alegaram que foram enganados e pagaram US$ 100 para participar. O conflito surgiu devido à presença de dois contratos que apontavam para disputas diferentes mecanismos de resolução.

David Suski e outros participantes processaram a bolsa e a empresa que administrou os sorteios Dogecoin.

Eles alegaram violações da lei de propaganda enganosa da Califórnia, da lei de concorrência desleal e da Lei de Recursos Legais do Consumidor.

Embora um acordo geral do usuário determinasse a arbitragem para todas as disputas, um contrato específico para sorteios estipulava que as disputas deveriam ser levadas a um tribunal da Califórnia.

Resultados variados em casos futuros?

O juiz Jackson destacou a necessidade de um tribunal determinar qual contrato deve reger a resolução da disputa em tais situações.

No entanto, o tribunal absteve-se de abordar se o Tribunal de Apelações do Nono Circuito determinou corretamente que o contrato específico do sorteio “substituiu” o contrato geral Termo de Acordo do Usuáriojulgando-o fora do escopo da questão apresentada.

O juiz Neil Gorsuch apresentou uma opinião concordante, enfatizando a natureza contratual da arbitragem e sugerindo que fatos diferentes poderiam produzir um resultado diferente. Ele observou que a aplicabilidade da arbitragem dependia do acordo das partes.

Leitura Relacionada

O diretor jurídico da Coinbase, Paul Grewal, refletiu sobre a decisão, reconhecendo vitórias e derrotas. Grewal expresso gratidão pela oportunidade de apresentar o seu caso ao tribunal e apreciou a sua consideração sobre o assunto.

Queda de dois dígitos para COIN, DOGE segue o exemplo

Após o veredicto, as ações da Coinbase, negociadas sob o ticker COIN, sofreram um impacto significativo, despencando mais de 11%, para uma avaliação de US$ 220. Esta descida surpreendeu dadas as expectativas iniciais de uma vitória potencial. Antes da decisão, as ações da Coinbase atingiram uma alta de US$ 240 na quarta-feira.

Ao mesmo tempo, a criptomoeda meme com tema de cachorro DOGE também experimentou uma retração de mais de 4% nas últimas 24 horas, resultando em um preço de negociação atual de US$ 0,158.

O gráfico diário mostra a queda do preço do DOGE. Fonte: DOGEUSD em TradingView.com

Imagem em destaque da Shutterstock, gráfico de TradingView.com

Fonte: www.newsbtc.com

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here